Atas das Sessões Plenárias

Ata da 12ª Sessão Ordinária do 1º Período de Legislatura da Câmara Municipal de Cantagalo, Estado do Rio de Janeiro, realizada aos dois dias do mês de abril de 2013

Ata da 12ª Sessão Ordinária do 1º Período de Legislatura da Câmara Municipal de Cantagalo, Estado do Rio de Janeiro, realizada aos dois dias do mês de abril de 2013.

Ata da 12ª Sessão Ordinária do 1º Período de Legislatura da Câmara Municipal de Cantagalo, Estado do Rio de Janeiro, realizada aos dois dias do mês de abril de 2013, às 18 horas e 30 minutos, sito a Rua Chapot Prevost, 193, sob a Presidência da Vereadora Renata Huguenin de Souza e que contou com a presença dos Vereadores Antônio Geraldo Moura Lima, Carlos Tadeu da Silva Leite, Ciro Fernandes Pinto, Emanuela Teixeira Silva, Homero Ecard Roque, José Augusto Filho, Jorge Carlos Carvalho Quindeler, Ocimar Merim Ladeira, Rafael Silva Carvalhaes e Sebastião Carvalho Cesário. Em seguida, a presidente solicitou a leitura da Ata da sessão anterior que após leitura, obteve aprovação por unanimidade dos presentes. A seguir, o Presidente solicitou a leitura do expediente recebido que constou do seguinte: PODER EXECUTIVO: Mensagem n.º 010/2013; Ofício G.S.A n.º 022/2013; Ofício n.º 012/2013; PODER LEGISLATIVO: Projeto de Lei n.º 015/2013, do Ver. Ciro F. Pinto; Parecer da Comissão de Educação, Saúde e Assistência, ao Projeto de Lei n.º 013/2013; Indicação n.º 057/2013, do Ver. José A. Filho; Indicação n.º 058/2013, do Ver. Carlos Tadeu Leite; EXPEDIENTES DIVERSOS: Ofício circular n.º 002/2013, da Contabilidade da Câmara M. de Cantagalo. A seguir, o Presidente convidou a todos para de pé acompanharem a leitura do Evangelho segundo João, Cap. 20,Vers. 11-18. Em seguida, segundo a ordem de inscrição, fez uso da palavra o Ver. Ciro Fernandes para comentar seu projeto de lei relacionado ao mosquito da dengue, justificando que o projeto é para forçar um pouquinho a população a ter mais cuidado, porque não adianta só a prefeitura e demais entidades envolvidas nesse projeto, se a população não cooperar, precisamos apertar mais um pouquinho, deveria ter uma taxa para cobrar dessas pessoas, porque está ficando difícil, razão pela qual, quer contar com a colaboração dos colegas vereadores na aprovação do projeto que foi lido aqui. Em aparte, o Ver. Jorge Quindeler parabenizou o colega vereador pelo projeto e, lembrou que, as campanhas são muito boas para conscientizar a população, mas além delas é importante que o poder executivo faça a limpeza dos córregos, dos bairros, porque os córregos estão muito sujos, os bairros precisam de uma boa limpeza, isso ajudará muito no combate a doença. Também em aparte, o Ver. José Augusto parabenizou o vereador pelo projeto e disse que o parecer da sua comissão será favorável, mas gostaria que o vereador acrescentasse os terrenos baldios, pois Cantagalo tem muitos terrenos abandonados, onde os proprietários não cuidam, inclusive o município também, pois perto da sua casa tem um terreno da creche que tem agua empossada, já pediu para limpar e não adianta só ficar fazendo essa situação. Retornando a sua oratória, o Ver. Ciro Fernandes disse que os citados terrenos já foram incluídos no texto do projeto, não havendo assim necessidade de modificação, mas a preocupação do vereador é válida. Nada mais havendo a ser tratado o Presidente anunciou para ordem do dia da próxima sessão as matérias que ficarem prontas. Agradeceu a presença de todos e deu por encerrada a Sessão, que para constar, eu, Antônio Geraldo Moura Lima, 1º Secretário, lavrei a presente Ata que vai por mim assinada, pelo Presidente e pelo 2ª Secretária. Sala das Sessões Patrono Cívico Tiradentes, em 02 de abril de 2013.

Recent Works

Back-To-Top